Política (PSD-MA)

Deputada diz que mulher é "submissa ao marido" e defende sessão apenas com homens

Parlamentar do Maranhão tamb√©m afirmou que apenas homens devem participar da sessão solene do dia 15 de maio, quando √© comemorado o "Dia da Fam√≠lia"

Por Regional ES

18/04/2024 às 06:08:26 - Atualizado h√°
Foto: Agência Assembleia

A deputada estadual Mical Damasceno (PSD-MA) defendeu nesta quarta-feira (17), que "o homem é o cabeça da família" e "a mulher é submissa ao seu marido". Durante sessão plen√°ria da Assembleia Legislativa do Maranhão (Alema), a parlamentar ainda afirmou que apenas homens devem participar da sessão solene que ser√° realizada no dia 15 de maio, quando é comemorado o "Dia da Família".

LEIA TAMBÉM: Preço nas alturas: Azeite ganha lacre antifurto em supermercado de Vitória

THOMAZINE
"Nós comemoramos o Dia da Família em 15 de maio, e aí veio uma ideia, em meu coração, que acredito que seja divina, de nós fazermos uma sessão solene aqui, mas somente com homens para mostrar à sociedade que o cabeça da família é o homem", disse.

E completou: "Vamos encher esse plen√°rio aqui de macho. A mulher tem que entender que ela deve submissão ao marido, doa a quem doer".

LEIA TAMBÉM: Mulher que levou idoso morto ao banco pode ser acusada de vilip√™ndio de cad√°ver; entenda

Ao direcionar a fala para a presidente da Alema, Iracema Vale (PSB), a deputada disse que, como católica praticante, ela deve saber que a "cabeça da família é o homem, assim como Cristo é a cabeça da Igreja".

Em resposta, a presidente pediu "benção" à parlamentar e ironizou dizendo que "a cabeça só vai para onde o pescoço leva".
CRICARE


Nas redes sociais, a deputada postou o vídeo da sessão, em que reafirma o que disse nesta quarta-feira na Assembleia. "O homem é o cabeça da família. A mulher é submissa ao seu marido!", escreveu na legenda.

Veja o vídeo:

Em uma delas, Mical afirma que Lula é "a favor de bandidos", quando o presidente apresentou veto parcial no projeto que acaba com a saída tempor√°ria de presos.

Apoiadora do ex-presidente Jair Bolsonaro (PL) e com base no segmento evangélico, Mical foi reeleita deputada estadual pelo PSD, nas eleições de 2022, quando obteve 52.123 votos.

Fonte: Folha Vitória
Comunicar erro
Regional ES

© 2024 Regional ES - Todos os direitos reservados.

•   Política de Cookies •   Política de Privacidade    •   Contato   •

Regional ES